sexta-feira, 25 de maio de 2012

Estilhaça-me

Título: Estilhaça-me
Autor: Tahereh Mafi
Páginas: 304
Editora: Novo Conceito

Sinopse: Juliette não toca alguém a exatamente 264 dias. A última vez que ela o fez, que foi por acidente, foi presa por assassinato. Ninguém sabe por que o toque de Juliette é fatal. Enquanto ela não fere ninguém, ninguém realmente se importa. O mundo está ocupado demais se desmoronando para se importar com uma menina de 17 anos de idade. Doenças estão acabando com a população, a comida é difícil de encontrar, os pássaros não voam mais, e as nuvens são da cor errada. O Restabelecimento disse que seu caminho era a única maneira de consertar as coisas, então eles jogaram Juliette em uma célula. Agora muitas pessoas estão mortas, os sobreviventes estão sussurrando guerra – e o Restabelecimento mudou sua mente. Talvez Juliette é mais do que uma alma torturada de pelúcia em um corpo venenoso. Talvez ela seja exatamente o que precisamos agora. Juliette tem que fazer uma escolha: ser uma arma. Ou ser um guerreiro.

Estilhaça-me não é um livro. É uma visão pós-apocalíptica.

Já se passaram duzentos e sessenta e quatro dias desde que Juliette fora levada para aquela cela minúscula. Duzentos e sessenta e quatro dias desde que tocara outro ser humano. Duzentos e sessenta e quatro dias em que havia sido, mais uma vez, esquecida e abandonada por todos. Ninguém se importava. Juliette não sabia onde estava, o que aconteceria a seguir nem como havia feito o que a fizera ser trancafiada. Tudo o que sabia, era que seu toque é letal. Que não devia tocar em ninguém. Que talvez ela fosse um monstro. E que já estava quase aceitando essa condição.

É assim que iniciamos a leitura do livro. Juliette está questionando sobre seu toque. Inicialmente, Juliette pode parecer estranha e louca, mas é esse mesmo o objetivo, afinal, Juliette não tem ninguém com quem conversar há 264 dias além dela mesma , a não de um caderno velho e uma caneta quebrada que ela não utiliza muito para não acabar com a tinta.
“Sou um ser composto de letras, uma personagem criada por frases, um produto da imaginação fabricado por meio da ficção.”

Tahereh Mafi escreve o que se passa na cabeça de Juliette. Não sou fã de livros narrados em primeira pessoa, mas esse realmente me convenceu. Mas, ainda assim, achei que a narração em primeira pessoa deixou a desejar em diversos pontos. Um deles é o Restabelecimento que só sabemos o que a personagem sabe. O sistema governamental que veio para promover a paz em um mundo tomado pela guerra e pela doença. Confesso que achei super criativo essa coisa de palavras tachadas rabiscadas no meio. Algo realmente diferente. Fiquei com inveja de não ter pensando nisso antes. E além de trechos que simplesmente não têm vírgulas ou pontos, são corridos e repetem palavras para mostrar a maneira com que a mente de Juliette funciona.

"Seis mil, trezentas e seis horas desde que toquei outro ser humano."

Tudo muda quando um garoto, Adam, passa a dividir a cela com ela. Ela não sabe o que fazer. Na verdade, ela nunca soube se relacionar com uma pessoa e, por isso, ela acaba entrando em um conflito interno consigo mesma. Adam é extremamente simpático e encantador com seu jeito protetor, além de ser inteligentíssimo e ter habilidades surpreendentes, diferente de Warner, o vilão que faz tudo para conseguir que Juliette fique ao seu lado. Outro ponto positivo é que o romance de Juliette e Adam não é composto por frescuras, pelo contrário, é bastante picante. O final do livro é bastante interessante, diga-se de passagem. Realmente passa a idéia de continuidade e de que, uma batalha está preste a acontecer. Estou a espera do segundo livro DESTROY ME (Título inglês).

Estilhaça-me é um romance épico fantástico, que intriga, angustia e prende o leitor até a última página com uma história com amor, medo, aventura e mistério e traz um desfecho surpreendente.

Um comentário:

  1. Por favor, gostaria que retirasse o primeiro parágrafo de sua resenha, pois ele é de minha autoria e não uma sinopse pública. Você pode encontrar minha resenha nesse link http://distribuindosonhos.blogspot.com.br/2012/05/resenha-estilhaca-me-tahereh-mafi.html e no skoob. Por favor, tenha consideração. Tive trabalho para escrever a resenha. Obrigada.

    ResponderExcluir